Egas.com
Jornal do Agrupamento de Escolas Egas Moniz - Guimarães
Pesquisa

"Ganda" Mistério !
Por José Louro (Professor), em 2013/12/01523 leram | 0 comentários | 131 gostam
Data do século xv. Já enfeitiçou e pertenceu a um imperador e já fez enlouquecer cientistas!
Permanece um grande, grande enigma! Talvez insolúvel!
O imperador austro-húngaro Rudolfo II, da dinastia dos Habsburgos, desembolsou nada menos que 600 ducados, (seriam hoje mais de 700 mil euros! Coisa pouca),no século XVI, para ser seu primeiro dono conhecido e registado nos anais.
Pertenceu depois a um mosteiro jesuíta localizado perto de Roma, pelo menos durante 300 anos, até que, por insolvência do mosteiro, foi vendido a Wilfrid Voynichk em 1912.
Foi, por muitos e durante muito tempo, considerado uma falsificação, mas a datação, por carbono 14, na universidade do Arizona, concluíu que foi produzido entre 1404 e 1438.
Pronto, desvendemos o mistério: estou a falar de um manuscrito por muitos considerado "indecifrável" - como o grande W. Friedman que desvendou a chave de leitura do não menos famoso Código Púrpura (a língua encriptada usada pelos japoneses na II Guerra Mundial).
O manuscrito tomou o nome de um dos seus possuidores Voynich, tem 250 páginas, está ilustrado com desenhos coloridos de mapas astronómicos com estrelas e planetas dispostos em círculos concentricos, potes (de farmácia?), ninfas(?) anafadas, plantas tão exóticas e estranhas que nunca foram identificadas por biólogos, tabelas que alguns julgam conter previsões do futuro - mas ninguém sabe ao certo o que são! O Manuscrito Voynich está na biblioteca de Yale, nos EUA, e foi oferecido a esta universidade pelo antiquário P. Kraus que o comprou à viúva de W. Voynich. Foi notícia um deste dias, num jornal inglês, porque o investigador Marcelo Montemuro provou, entre outras coisas, que os textos do manuscrito seguem as regras da linguística universal. Mas a língua em que foi escrito é desconhecida e o assunto ou temas de que trata são um enigma.


Comentários

Escreva o seu Comentário