Egas.com
Jornal do Agrupamento de Escolas Egas Moniz - Guimarães
Pesquisa

Caiu-me o poema
Por José Louro (Professor), em 2012/03/20496 leram | 0 comentários | 126 gostam
(Para comemorar a chegada da primavera e o dia mundial da poesia!)
Caiu-me o poema na sopa
desamparado,
coitado!
E agora que faço?
Penduro-o a enxugar?
Ou simplesmente ponho-me a chorar?
Não adianta! Volto a escrever outro, amargurado!
com genica, com calma, com alma.
É difícil o poema!
Custa a nascer, a brotar, a florescer,
não sai assim sem querer é preciso puxar,
exige esforço, o poema, é preciso lutar por ele,
cada palavra, cada sílaba, cada som ,cada cadência.
Afinal, o poema é ciência
e paciência!


Comentários

Escreva o seu Comentário